Garotada vira solução para rodar o elenco em meio a lesões e desfalques no Flamengo

Com planejamento de ter dois times ao longo do ano, Abel recorre aos jovens para montar equipe alternativa. Vitor Gabriel interrompe férias e ganha chance. Cenário aponta necessidade de encorpar elenco

Por No Drible 16/03/2019 - 09:01 hs
Foto: DIVULGAÇÃO
Garotada vira solução para rodar o elenco em meio a lesões e desfalques no Flamengo
FLAMENGO

Abel Braga deixou claro desde sua chegada ao Flamengo que pretendia montar dois times e preservas os titulares do insano calendário brasileiro. Não teve medo, por exemplo, de poupar no clássico contra o Vasco, na semana passada. No entanto, frequentemente tem recorrido aos garotos para completar a formação. Neste sábado, contra o Volta Redonda, serão seis atletas formados na base em campo.

Gabriel Batista (o único estreante), Thuler, Hugo Moura, Ronaldo, Lucas Silva e Vitor Gabriel começam o jogo neste sábado. Eles se juntam a Rodinei, Trauco, Piris da Motta, Arrascaeta e Uribe no time titular. Contra a LDU, na quarta, foram oito atletas da base relacionados. Apenas Léo Duarte iniciou.

- Posso aproveitar qualquer um deles sem qualquer temor. O Juan foi muito feliz no vestiário, disse que fomos corajosos de colocar uma equipe com muitos garotos, terminamos com seis da base. Meninos que o torcedor pouco conhecia e ganharam gordura, esse é um jogo bom para amadurecer. Então tenho uma tranquilidade grande para frente, e uma dor de cabeça também - disse Abel, após o clássico contra o Vasco.