'Vou continuar correndo atrás do meu sonho', diz jogador que sobreviveu ao incêndio no CT do Flamengo

Kayque Soares Campos chegou ao aeroporto de Palmas e foi recebido com aplausos. O zagueiro contou que na noite anterior iria dormir no quarto, onde morreram três jogadores.

Por Abdon Barbosa 10/02/2019 - 10:28 hs
Foto: DIVULGAÇÃO
'Vou continuar correndo atrás do meu sonho', diz jogador que sobreviveu ao incêndio no CT do Flamengo
KAYK

Ao chegar ao aeroporto Brigadeiro Lysias Rodrigues em Palmas na manhã deste sábado (9), o jogador Kayque Soares Campos, de 15 anos, que sobreviveu ao incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo, foi recebido com aplausos. Dezenas de pessoas o aguardavam ansiosas por um abraço. Um dia depois da tragédia que matou 10 pessoas no Ninho do Urubu, como é chamado o CT do clube carioca localizado na Zona Oeste do Rio de Janeiro, o zagueiro tocantinense relatou os momentos de pavor que viveu.

- Na verdade, eu ia dormir em outro quarto, onde morreram três. Aí [na noite anterior] eu falei: 'Eu vou dormir com esses meninos aqui hoje e amanhã eu volto'. Graças a Deus, todo mundo desse quarto conseguiu sair - contou.

Kayque contou que o fogo começou no ar-condicionado do primeiro quarto e foi passando para os outros cômodos. O quarto onde ele estava dormindo era o terceiro e fica perto da porta de saída. Na madrugada do incêndio, ele acordou com os gritos de socorro.

- Eu estava dormindo e só escutei o barulho. Pulei da cama e saí pela porta. Olhei atrás, estava tudo com fogo, queimei um pouco minha perna, mas está tudo tranquilo. Escutei alguns pedindo socorro - lembrou.